14 de junho de 2019 Karin Nisiide

Como conduzir uma entrevista para recepcionista de hostel

Leia dicas de como conduzir uma entrevista para recepcionista de hostel, e encontrar uma pessoa que se encaixe perfeitamente no espírito de sua empresa!

Hostels oferecem serviços, e serviços são oferecidos por pessoas. Então, a base do nosso negócio é o nosso staff.

A equipe que compõe o quadro de funcionários de um hostel é, sem dúvidas, o fator mais importante do sucesso de seu negócio.

E para encontrar o staff perfeito para seu hostel, não basta somente ver as qualificações e experiências anteriores, ou a variedade de idiomas falado.

Leia mais sobre o tema em O mínimo de inglês que sua staff deve saber

Existem muitos outros fatores a se considerar na busca pelo staff perfeito.

É claro que o staff perfeito para você pode não ser para mim. Mas antes de fazer qualquer seleção para a equipe, devemos nos perguntar quais são nossas necessidades, fazer uma lista de todos os itens que você gostaria de encontrar em um candidato, para saber se ele se adequa às necessidades do hostel e, muito importante, se o hostel se adequa às expectativas dele, pois trabalhar em hostel não é tão fácil quanto as pessoas pensam. Se o candidato não tiver em mente isso, ele pode ser super qualificado, mas após um tempo vai estar insatisfeito no local de trabalho.

Alguns temas para abordar em uma entrevista para staff de hostel

Todo candidato a uma vaga de emprego já vem preparado para as perguntas básicas, e muitas vezes as respostas são robotizadas, no intuito de responder o que o entrevistador quer escutar. No entanto, estar preparado com algumas perguntas diferenciadas vai garantir uma escolha mais assertiva.

Uma boa forma de organizar uma entrevista é fazer uma lista das áreas de interesse, e depois listar algumas perguntas de cada área.

Você pode conduzir a entrevista com algumas perguntas gerais, e depois escolher uma ou duas perguntas específica da sua lista, de acordo com o perfil de cada candidato. Como exemplo, cito algumas áreas que você pode explorar:

  1. Conhecimento do hostel como um negócio
  2. Conhecimento do destino
  3. Identificação e compatibilidade do candidato com o negócio
  4. Nível de comprometimento do candidato
  5. Qualidades e talentos
  6. Expectativas no trabalho
  7. Trabalho em equipe
  8. Interesses pessoais
  9. Reações a problemas do cotidiano

Faça perguntas falando de situações que você vive no dia a dia da sua propriedade

Cada hostel é diferente, então faça sua lista de acordo com o que você necessita e deseja para o seu hostel. Pense nessas perguntas como uma maneira de avaliar o conhecimento e experiência da pessoa na área, além de qualidades como agilidade, bom senso, pró-atividade e criatividade.

Como perguntas específicas, exemplifico utilizando o item 9 (Reações a problemas do cotidiano):

  1. O que você faria se um hóspede reclamasse de barulho
  2. Como se comportar com hóspedes bêbados que passam dos limites
  3. O que você faria se encontrasse vandalismo no hostel
  4. Um hóspede bravo reclama de algum problema e exige reembolso.
  5. Um hóspede está passando mal e pede ajuda.
  6. Um hóspede reclama de outros hóspedes que estão fazendo sexo em dormitórios.
  7. Um hóspede diz ter sido roubado dentro do hostel.
  8. Um hóspede diz estar sem documentos.
  9. Você recebe uma mensagem com um blacklist, e ele aparece para fazer check in no hostel.

É importante saber todas as qualidades do candidato, mas mais importante é saber se ele está preparado para os problemas que podem surgir e se é proativo para a resolução desses problemas.

Escolha bem o local da entrevista

A escolha do candidato não deve se basear somente nas respostas dele. As reações dele ao processo de entrevista também contam muito.

Uma entrevista sempre é melhor conduzida dentro de um escritório ou em um local tranquilo, mas fazer parte da entrevista passando pelas áreas de mais movimento também é uma boa estratégia, em uma hora de muito check in, ou check out, para ver a reação do candidato.

Outra estratégia é pedir para o candidato aguardar na área de lazer, ou no bar, enquanto você faz algo, e avaliar como é a interação dele com os hóspedes ou com o próprio staff. Afinal, se eles irão trabalhar juntos, devem ter afinidade. Solicitar a opinião do staff na contratação de um novo membro também é importante, pois uma equipe que não se relaciona bem pode acabar com um negócio.

Vá fundo na segunda entrevista

Após escolher seu candidato na primeira seleção, o ideal é fazer uma segunda entrevista. Os candidatos normalmente estão mais confiantes após passarem pela primeira seleção, e normalmente responderão com mais confiança e menos robotizados, com respostas prontas.

Essa entrevista pode ser feita no bar do hostel ou na recepção, em um ambiente mais informal, conforme dito anteriormente, e também trazer temas mais informais. Faça o candidato se sentir mais confortável em falar sobre suas expectativas, para que você possa identificar se ele está realmente interessado no trabalho ou se está tentando preencher uma lacuna até encontrar o “emprego dos sonhos”. Você pode até contratar pessoas que tenham planos futuros, mas que eles não estejam tão próximos a ponto de você ter um rodízio muito grande de funcionários.

Escolha final do processo seletivo para staff da sua propriedade

Você pode fazer uma verificação mais a fundo, como por exemplo, nas redes sociais. Como a socialização em um hostel é imprescindível, você pode verificar as postagens do candidato para ver se realmente ele se adequa aos parâmetros almejados. A transparência é fundamental, e muitas vezes pelas redes sociais você consegue verificar se alguma resposta não foi totalmente transparente.

Escolha pessoas que são prestativas, que tenham vontade de crescer e que possam trazer benefícios para sua empresa, afinal, a personalidade do seu hostel está ligada à personalidade das pessoas que trabalham ali.

Finalmente, não contrate ninguém no desespero. Mesmo que você esteja em momentos difíceis e precise de um colaborador para ontem, não contrate sem passar por esse processo. Manter um padrão de qualidade dos serviços oferecidos é a garantia do nosso sucesso!

Sua equipe já está formada? Então veja como melhorar o controle dos turnos e libere a recepção para trabalhar por você!

Tagged: , , ,

About the Author

Karin Nisiide
Karin Nisiide Proprietária do Tetris Container Hostel, em Foz do Iguaçu. Startup Update your hostel! Arquiteta e urbanista por formação, largou tudo para trabalhar com turismo. Ama viajar e está no momento se aventurando pela Ásia, em busca de experiências novas e mais conhecimento na área de hostels.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *